Aberto à compra

O que é Open-to-Buy?

Open-to-Buy é uma ferramenta de gestão de inventário de retalho utilizada para planear e controlar as compras de inventário. É uma técnica utilizada para determinar quanta mercadoria deve ser comprada para satisfazer a procura dos clientes e manter os níveis de stock desejados. O sistema Open-to-Buy ajuda os retalhistas a gerir os níveis de inventário e a planear as vendas futuras.

Benefícios do Open-to-Buy

O Open-to-Buy pode ajudar os retalhistas a maximizar os seus lucros, assegurando que dispõem de inventário suficiente para satisfazer a procura dos clientes. Pode também ajudá-los a reduzir os custos, minimizando a quantidade de inventário de que necessitam para comprar. Eis alguns dos benefícios que os retalhistas podem obter com a utilização do Open-to-Buy:

    >li>Gestão melhorada do inventário>li>Custos de inventário reduzidos>li>Previsão exacta de vendas futuras>li>Melhor compreensão da procura dos clientes>li>Melhor controlo dos níveis de inventário>/ul>

    Como funciona o Open-to-Buy?

    Open-to-Buy baseia-se numa equação simples: a quantidade de inventário disponível para compra (open-tobuy) é igual à quantidade de inventário necessária (nível de stock alvo) menos a quantidade de inventário já disponível (nível de stock actual). Esta equação é utilizada para determinar quanto inventário deve ser comprado para satisfazer a procura do cliente e manter os níveis de stock desejados.

    Exemplos de Open-to-Buy

    Aqui estão alguns exemplos de como o Open-to-Buy pode ser usado:

      >li>Um retalhista de vestuário pode usar o Open-to-Buy para determinar quanto inventário precisam de comprar para a próxima estação.>li>>Uma loja de electrónica pode usar o Open-to-Buy para prever a procura de novos produtos e decidir quanto inventário comprar.>li> Uma mercearia pode usar o Open-to-Buy para calcular a quantidade de inventário que precisam de comprar para satisfazer a procura dos clientes.

    Conclusão

    O Open-to-Buy é uma ferramenta poderosa para os retalhistas gerirem o inventário e planearem as vendas futuras. Pode ajudar os retalhistas a maximizar os lucros e reduzir os custos, assegurando que têm a quantidade certa de inventário para satisfazer a procura dos clientes.

    Referências

    <
  1. Gestão do inventário (Wikipedia)
  2. <Previsão (Wikipedia)
  3. Previsão da procura (Wikipedia)